O que é e o que não é recomendável fazer no pré e pós-treino


Descubra o que é importante evitar e o que é aconselhável pôr em prática para melhorar os resultados


Apenas o ato de ir à academia pode parecer suficiente, mas os resultados tendem a ser menores se outros aspectos da vida não forem adequados à prática. Nesse sentido, o período pré e pós-treino é essencial para aumentar a qualidade e a eficiência dos exercícios e de seus efeitos.


A alimentação é um dos fatores que mais causa dúvidas com relação ao pré e pós-treino. Uma pesquisa publicada na Revista Brasileira De Nutrição Esportiva evidenciou que o consumo alimentar da maioria dos participantes continha inadequações, como consumo de suplementos sem indicação de nutricionistas e excesso ou falta de nutrientes em alguma das refeições.


Em longo prazo e sem cuidados, esses fatores podem levar a deficiências alimentares e problemas de saúde. Para driblar esse tipo de problema, o Portal Minha Vida selecionou algumas atitudes (relacionadas à alimentação ou não) que são recomendáveis após os treinos e outras que não são.


É importante lembrar que é sempre importante buscar o acompanhamento de profissionais da Nutrição, Educação Física e outras áreas da saúde para um acompanhamento individualizado.


O que é recomendável fazer?


Descansar ou dormir após o treino


Descansar ou tirar um cochilo depois de uma aula ou treino intenso pode otimizar o resultado, como explica Guilherme Moscardi, coordenador técnico da academia Les Cinq Gym. Durante a prática de exercícios rompe-se fibras musculares, o que gera uma inflamação muscular. É o descanso que permite uma melhor regeneração muscular, necessária tanto para maior efetividade nos treinos quanto para evitar lesões.


Comer alimentos leves antes do treino


Refeições leves ou alimentos que você sabe que "caem bem" pra você antes dos treinos costumam ajudar a manter a concentração e aproveitar o treino. O ideal é comer entre 15 minutos e 2 horas antes da prática da atividade física.


De acordo com a nutróloga Paula Vasconcelos, da Clínica Soul Health Medicina, para quem tem pouco tempo entre essa refeição e o treino (de até 30 minutos), opções de sucos ou smoothie são melhores, pois facilitam a digestão. "Se você tem mais tempo e vai fazer treinos com mais de uma hora, precisa de uma opção mais reforçada, por exemplo, fruta com fibra, como banana com aveia ou um sanduíche com pão 100% integral".


Ingerir carboidrato


Alimentos ricos em carboidrato podem ser ingeridos tanto antes quanto depois da academia, embora seja recomendado que estejam acompanhados de proteína no caso do pós treino. Segundo Paula, beterraba, melancia, maçã e uva são ótimas fontes de carboidratos simples e têm efeito vasodilatador, aumentando a circulação e melhorando o desempenho.


Beber bastante água

O que é desidratação?


É importante manter a boa hidratação durante a prática de exercícios. "Tome água sempre que sentir sede, mas o ideal é para cada meia hora de exercício físico, ingerir 500ml de água ou isotônico", aconselha a nutróloga.

O que não é recomendável fazer?


Tomar remédios sem restrição antes do treino


A maioria dos medicamentos não pede restrição de atividades físicas após a ingestão. No entanto, se qualquer medicamento causar queimação ou algum outro desconforto, é melhor evitar a prática logo em seguida de sua ingestão. Caso alguma medicação que você esteja tomando cause muita sonolência ou até relaxamento muscular, o ideal é suspender a prática de atividades físicas logo em seguida do uso.


Não se aquecer


Chegar com o corpo aquecido para uma aula ou treino deixa o corpo mais preparado para o movimento, os músculos com mais viscosidade intramuscular e os neurônios sensoriais mais ativos. "Isso (não se aquecer) pode gerar movimentos menos controlados e o risco de lesão é mais evidente" alerta Guilherme. Antes de começar de fato os exercícios, pratique movimentos leves, como caminhadas, e aqueça os músculos com cargas baixas.


Beber álcool em excesso


Consumir bebidas alcoólicas em excesso antes de qualquer atividade física não é recomendado, pois "o álcool pode atrapalhar a performance muscular, além de gerar desidratação, que piora o balanço de líquidos", esclarece Paula. Mesmo se consumida na noite anterior, a bebida alcoólica pode causar efeitos negativos no treino. Se for beber, lembre-se de ingerir muita água junto.


Comer carne vermelha


Evite alimentos de digestão lenta como carne vermelha e outras gorduras saturadas logo antes do treino, pois o corpo demora para fazer a digestão desses alimentos e manterá a concentração de sangue no sistema digestivo e não nos músculos, atrapalhando o desempenho.


Ir à academia com sono


Estar com o corpo cansado e realizar alguma atividade é inadequado por conta do risco aumentado de lesões que isso pode causar. Se não tiver tido uma boa noite de sono, evite treinar ou prefira atividades mais leves, sem grande exigência do corpo.


Fonte: minha vida

6 visualizações0 comentário
Menu Rápido
Orçamento Rápido
Endereços e Contatos

Orçamentos: farmacia@cedroni.com.br

 

11 2764.3700 | 11 3277-3753

WhatsApp 11 99350-7997

0800 7733 700

 

Consultoria Técnica Farmacêutica

11 2764-3747

farmaceutica@cedroni.com.br

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Tumblr Social Icon
  • Instagram

Copyright © 2019 - Todos os Direitos Reservados - Farmácia Cedroni - Desenvolvido por Acasadearte